Começo com o mais importante: informação sobre os javalis. Com sorte, consegue-se javalis vivos a beira estrada. Os javalis são até menos ferozes do que porcos. É possível cria-los como porcos, que são por sua vez muito maus. Dois leãos contra um porco, e um dos leãos vai abaixo. Um porco corre para uma árvore, encosta, com o rabo contra a árvore, e começa a sua defesa.

Há um comboio entre Lichinga e Cuamba, as duas cidades principais do Niassa. E depois de Cuamba para Nampula. Mas o comboio de Lichinga para Cuamba (300 km) demora três dias chegar. Por este motivo, supomos, só leva carga. Uma vez um amigo apanhou o comboio de Cuamba para Lichinga. Até a primeira só tinha andado 20km. Parou num lugar no meio do mato para 5 dias. Ele chegou a Lichinga 17 dias depois, bem mais magro. (A estrada, na época seca, leva umas horas.) Então, aventureiros: apanhem o comboio de Nampula para Cuamba, a vontade. A viagem é suposto ser linda, e só leva idealmente 8 horas.E depois apanhem o minibus chapa de Cuamba para Lichinga. (Vou fazer isso algum dia.)

***

As pessoas que caminham nas estradas nunca andam na beira da estrada. Não têm medo de carros. Mesmo quando houver nevoeiro tipo Sherlock Holmes, que de repente toma conta do planalto. As pessoas seguem caminhando. No asfalto.